Tercerização sancionada sem vertos. Não há acordo possível com Temer

Tercerização sancionada sem vertos. Não há acordo possível com Temer

Mesmo setores conservadores e governistas reclamaram da natureza escravocrata do texto do projeto aprovado na Câmara, repleto de absurdos escravocratas.

Pediam vetos a Temer e a mescla com o projeto que tramitava no Senado. Temer o sancionou sem vetos significativos.

As dissensões de deputados da  base governista e os protestos de metade da bancada do Senado foram sinais eloquentes que, mesmo para os que não têm tradição de apoio aos trabalhadores, considerou-se exagerada a abolição de direitos contida na medida.

Só os capitães de mato a defendiam tal como estava.

E temos um capitão do mato no Palácio do Planalto

Não há negociação possível com seu governo em matéria de direitos, porque sua abolição é o preço que ele para para que o tolerem no poder, como chicote nas costas do povão.

A presidência da República está terceirizada: tem-se nela um empregado obediente do mais mesquinho interesse empresarial.

Neste governo, o povo só entra com o lombo.

POR

Comentários

%d blogueiros gostam disto: