Codhab exige atualização cadastral de habilitados à moradia

Codhab exige atualização cadastral de habilitados à moradia

A partir desta segunda-feira (3/4), todos os 142 mil habilitados para adquirir moradia pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional do Distrito Federal (Codhab) terão que atualizar seus cadastros. Inicialmente, a atualização deve ser feita de forma eletrônica, por meio do site ou do aplicativo para smartphones da companhia. Em maio, terá início o atendimento presencial nos postos da Codhab. O prazo final para concluir o processo será o dia 3 de julho: quem não atualizar suas informações até lá será excluído do programa,

Desde 2014 os brasilienses que se candidataram no programa habitacional do Governo do Distrito Federal não confirmam seus dados. Com isso, um estudo feito junto à Codhab, a partir do cruzamento com as informações da Secretaria de Fazenda, cartórios e até de um sistema de óbitos, apontou incoerência nas informações referentes a pelo menos 11 mil candidatos à moradia.

O diretor imobiliário da Codhab, Jorge Gutierrez, alerta que o recadastramento é necessário para que os inscritos não sejam excluídos do programa.

Essas pessoas terão a oportunidade de corrigir isso, apresentando a documentação requerida. Mas quem não fizer a atualização cadastral até o dia 3 de julho será excluído da lista

Jorge Gutierrez, diretor imobiliário da Codhab

Rápido e prático
Embora muitos brasilienses precisem confirmar as informações apresentadas ao programa habitacional, o governo espera que o processo seja ágil e bastante prático. Para facilitar a vida dos candidatos, a Codhab revisou o uso do seu aplicativo para smartphones: quem optar por usar o dispositivo, não precisará ir até um posto de atendimento.

“Com o celular na mão, a pessoa pode fazer todas as atualizações e garantir que seu nome continue na lista. Se não conseguir usar o aplicativo, há, ainda, a opção de fazer tudo pelo site”, destacou Jorge Gutierrez.

O endereço do portal da companhia imobiliária é www.codhab.df.gov.br. Quem não conseguir atualizar os dados nem por meio do site nem pelo aplicativo, precisará esperar até 3 de maio, quando será iniciado o atendimento presencial nos postos de Assistência Técnica da Codhab.

Inovações
O aplicativo está com novidades.A principal delas é que o usuário poderá fazer a atualização completa. Nessa nova versão, além dos dados pessoais e de contato, podem ser adicionados número de dependentes, renda familiar e informação de deficiência do candidato, entre outros dados. Aquele candidato que não tem incoerência no cadastro, precisa apenas confirmar as informações.

Para modificar seus dados, é preciso acessar o aplicativo e clicar no ícone “usuário”. Depois, informar CPF e senha. Assim que a página inicial for aberta, basta clicar na aba “Atualização Cadastral” e, dentro dela, preencher os dados pedidos.

Além de atualizar os dados, o usuário tem que comprovar as informações por meio de documentos, que também podem ser enviados pelo aplicativo. Basta carregar o arquivo ou mesmo anexar uma foto tirada do próprio celular.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: