Editorial Jeová Rodrigues

 

Marchinha de banda de samba de BH critica Bolsonaro e vira sucesso antecipado

A Banda criadora do “Baile do pó royal”, de Belo Horizonte, criou e compôs uma marchinha para o carnaval de 2018, que critica abertamente o deputado do RJ, Jair Bolsonaro. A Marchinha é extremamente crítica e criativa, criticando e ridicularizando os principais políticos e articuladores da direita Golpista do país.

A marchinha se chama “Bolsomico”, e já teve um repercussão gigantesca em todo país; os principais políticos que a letra da marchinha critica são: Bolsonaro, João Doria, Alexandre Frota, Marcelo Crivela, a organização golpista e fascista organizada pelo imperialismo, MBL, além de criticar fortemente a Ditadura Militar, também de escrachar na íntegra que os golpistas precisam de ir a aula de história e economia.

Rascunho automático 67

Esta é mais uma demonstração de que o carnaval é uma das festas mais populares do país onde a população usa a criatividade para se manifestar de forma crítica contra a direita.

Compartilhe com seus amigos:
Categoria CEILÂNDIA, Denucias, JUSTIÇA.