Editorial Jeová Rodrigues

Caiu a máscara da perseguição ao ex-presidente Lula até nos Estados Unidos, país onde foi desenhado o golpe para que o petróleo brasileiro fosse entregue às petroleiras globais; na carta enviada ao embaixador Sergio Amaral e a todos os ministros do Supremo Tribunal Federal, presidido por Cármen Lúcia, os deputados do campo progressista e democrático nos Estados Unidos dizem que Lula foi condenado sem provas por Sergio Moro e ainda denunciam o juiz paranaense por ter grampeado ilegalmente a presidente deposta Dilma Rousseff;

“A natureza claramente politizada dos processos judiciais contra Lula tem colocado em risco instituições democráticas vitais e a fé dos cidadãos nessas instituições”, dizem os parlamentares americanos; perseguição a Lula na Banana Republic Brazil vira escândalo internacional.

 

Compartilhe com seus amigos:
Categoria CEILÂNDIA, JUSTIÇA, Lava a jato, PERSEGUIÇÃO, Politica.