Editorial Jeová Rodrigues

SÃO ESSES OS DESMORALIZADOS

Dois dos três desembargadores do TRF-4 que condenaram o ex-presidente Lula sem provas também recebem auxílio-moradia, mesmo possuindo imóvel na cidade em que residem, Porto Alegre; Leandro Paulsen, revisor da sentença contra Lula, adquiriu apartamento em 2009 em Porto Alegre, por R$ 432 mil; seu salário em dezembro do ano passado foi de 47,4 mil, contados os R$ 4.378 do auxílio-moradia; já Victor Laus comprou, em 2014, um apartamento no Moinhos de Vento, bairro nobre na região central, por R$ 255 mil; somados os penduricalhos, seu salário em dezembro foi de R$ 106 mil; João Pedro Gebran Neto também recebe o auxílio, mas não tem imóvel próprio na capital gaúcha; os três começaram a fazer uso do benefício em outubro de 2014, um mês depois de decisão liminar do ministro Luiz Fux

Por Rodolfo Vasconcellos

Compartilhe com seus amigos:
Categoria CEILÂNDIA, JUSTIÇA, Lava a jato, PERSEGUIÇÃO, Politica.